Os 04 erros mais comuns de um Operador de Empilhadeiras

 In Segurança, Todos, Treinamentos

Os 04 erros mais comuns de um Operador de Empilhadeiras

Você sabia que até mesmo o melhor operador de empilhadeiras, está sujeito a cometer erros em sua rotina de trabalho? Entretanto, conhecimento gera poder e erros criam experiências, e cometer falhas com essas máquinas, pode gerar drásticas consequências, as quais poderiam ser totalmente evitadas.

Hoje vamos falar sobre os quatro erros mais comuns que podem acontecer no seu local de trabalho com seu operador de empilhadeiras, mostrando também como é possível se prevenir destes incidentes/acidentes em ocasiões futuras.

1) Comunicação com outros funcionários do seu trabalho

Se você estiver operando uma empilhadeira, existem muitos métodos para se comunicar com os outros trabalhadores neste momento. O mais eficiente deles é usar luzes e sinais quando necessário, para alertar o tráfego da máquina ou trabalhadores em suas proximidades. Se por acaso esses sinais não funcionarem, o melhor é não operar a máquina naquele momento, e esperar que o local esteja totalmente nas devidas condições para evitar maiores problemas.

Porém, transmitir sinais verbais claros e usando suas mãos para chamar a atenção, e o principal de tudo, ter sensor de ré no seu equipamento, pode fazer toda a diferença na rotina de trabalho, exatamente pelo fato dessas empilhadeiras terem seus pontos cegos e por sua vez, você pode não estar vendo algum funcionário nas suas costas.

2) Falha na checagem do Fluído Hidráulico

Esse é outro erro comum que pode acarretar desastrosas consequências. Se a checagem do fluído hidráulico do seu equipamento tiver sido feito de maneira errada, quando você for realizar algum movimento de levantamento de carga, pesada ou volumosa, a probabilidade da máquina falhar é gigante, e podendo ferir seu operador de empilhadeiras e quem mais estiver por perto.

É imprescindível verificar o fluído hidráulico antes de começar a sua operação, pois além de proteger a você e seus companheiros, evita danos com a carga e suas empilhadeiras.

3) Esquecer de checar o gás e a bateria

Isso é fundamental e essencial para assegurar que não há possibilidades de mau funcionamento da máquina. Mas como melhorar o manuseio dessas empilhadeiras?

Primeiramente, certifique-se de que o tanque de combustível e a bateria estão em total capacidade de uso, sendo necessário olhar o nível do combustível e a carga elétrica antes de começar seu trabalho. Esse processo é rápido e fácil, basta olhar para o painel da máquina e garantir que ambos estão dentro do padrão adequado.

Não fazendo essas duas checagens, as consequências podem ser gravíssimas, resultando em danos tanto do espaço, quanto as pessoas que ali estavam.

4) Fazendo tudo sozinho…

Operar empilhadeiras pode ser algo bem complicado, levantar cargas pesadas com elas, mais difícil ainda. Então não tenha receio de pedir ajuda para alguém que saiba mais que você ou que simplesmente pode te ajudar no momento em que você está precisando. Se você está inseguro ou desconfortável com qualquer aspecto relacionado a operação dessas empilhadeiras, certifique-se de perguntar a qualquer colega de trabalho ou supervisor para uma melhor instrução.

Lembre-se, segurança vem em primeiro lugar!

Gostou? Conte pra gente se algum desses erros já aconteceu com você ou na sua empresa e compartilhe essas dicas no facebook.

Postagens recentes
Precisa de Ajuda? Fale Conosco