5 razões para investir em um curso de operador de empilhadeira

 In Dicas

A função do operador de empilhadeira é regulamentada pela Norma Regulamentadora (NR) 11, que dispõe sobre o transporte, movimentação, armazenamento e manuseio de materiais.

O operador de empilhadeira é o profissional responsável por transportar paletes com produtos e mercadorias. A atividade exige habilidade e atenção às normas de segurança. Entenda neste artigo porque sua empresa deve investir em um curso da área.

Salário compatível

O salário do operador de empilhadeira varia de acordo com as horas trabalhadas, o porte da empresa, a área de atuação, o tipo de carga transportada e o tempo de experiência que o profissional tem na função. Outra variante é o tipo de acordo e convenções coletivas firmadas por cada Estado para definir o salário-base dos profissionais dessa área.

Levando em conta todos esses aspectos, o operador de empilhadeira recebe entre R$937,00 e R$2.000,00. Com o acréscimos adicionais e benefícios, o salário pode chegar a R$3.500,00

É um bom investimento que a empresa pode fazer em seus funcionários

Conhecidos como cursos In Company, os treinamentos que as empresas disponibilizam aos funcionários são direcionados a sua atualização, capacitação e motivação. Empresas bem-sucedidas acreditam que o resultado almejado se conquista por meio de investimentos direcionados ao enriquecimento e aperfeiçoamento dos colaboradores.

O curso de operador de empilhadeira é uma ótima opção de aplicação no desenvolvimento do capital humano. O curso oferece a atualização do currículo com um conteúdo completo e apresenta as normas de segurança para a atividade, prevenindo acidentes e mantendo o ambiente de trabalho seguro contra riscos.

O curso não exige muitos requisitos do candidato

As empresas que desejam investir no curso de operador de empilhadeira devem estar atentas aos requisitos exigidos, mas que não são de grande complexidade.

O candidato interessado deve ter ensino fundamental completo, idade mínima de 18 anos e CNH nas categorias B, C, D ou E.

Essas exigências proporcionam às empresas a possibilidade de investirem em profissionais com baixo nível de escolaridade e que apresentem um bom desenvolvimento na produtividade, por exemplo.

Carga horária mínima exigida para a formação

O mercado de trabalho para operadores de empilhadeira está aquecido e oferece várias oportunidades em todo o país. A carga horária para a capacitação na área possibilita um rápido retorno financeiro para quem está interessado em investir no curso.

A carga horária exigida é de 16 horas de conteúdo programático em teoria e prática.

O operador de empilhadeira pode atuar em diversas áreas

Os diferentes campos em que o profissional da área poderá atuar possibilitam uma chance maior de emprego, aumentam o número de vagas e oferecem ao operador de empilhadeira a opção de trabalhar na área com que melhor se compatibilize.

Após sua formação, o operador poderá trabalhar em empresas de logística e transporte, indústrias de automóveis, construção civil, fábricas, indústria moveleira, portos, comércio atacadista e varejista, estoques de empresas e distribuidoras de todos os tipos de mercadoria.

Ficou interessado no curso de capacitação? Gostaria de saber maiores informações? Entre em contato conosco!
E continue acompanhando nossas publicações. Deixe seu comentário e compartilhe este artigo em suas redes sociais.

Postagens recentes
Precisa de Ajuda? Fale Conosco
PNEU PARA EMPILHADEIRASaiba o que fazer para continuar utilizando sua empilhadeira e não ter prejuízo com manutenções frequentes.